canal teatro mf logo

O melhor do teatro está aqui

Search

TÚNEL DO AMOR

TÚNEL DO AMOR – O MUSICAL

Os bons tempos estão de volta

Dia 04 de fevereiro estreia

No Teatro Liberdade

 Espetáculo baseado na obra literária 

“A Moreninha” de Joaquim Manoel de Macedo, com ideia original de Eliséte Martins, texto e direção de Marcello Marra

Ambientado em 1958,  na cidade de Santos, Túnel do Amor traz de volta toda atmosfera romântica dos anos 50 e de grandes clássicos da época imortalizados nas versões de Celly  Campello, que serão interpretadas por 20 atores em cena e músicos ao vivo, conduzidos pela direção musical e arranjos de Miguel Briamonte e coreografias e direção de movimento de Vanessa Costa.

Na história somos apresentados ao conquistador Augusto, capaz de causar frisson em todas as garotas que atravessam o seu caminho, pelas quais jura nunca se apaixonar. Porém, o destino o faz encontrar Carolina. Sua beleza e língua mordaz chamaram a atenção de Augusto, sem desconfiar que se trata de seu amor de infância.  

A linha condutora do espetáculo é esse amor, que nos revela românticas surpresas, através dos clássicos musicais de Celly Campello, que nos transporta à época da inocência, onde questões simples e fundamentais eram valorizadas: o respeito, a amizade, o amor e a esperança de ver concretizado um mundo com mais tolerância às diferenças e justiça social. 

Paralelamente à trama principal, desfilam outras personagens que nos remetem aos anos dourados, com suas “Lambretas” e “Rabos-de-Peixe”, bailinhos no clube da esquina, “Milk-Shake”, Boleros e Bossa Nova, a rebeldia dos astros de cinema como James Dean, e além de figurinos inspirados em jaquetas de couro e vestidos de tafetá. Túnel do amor é uma peça leve e divertida que nos transporta à época da inocência, onde as coisas mais simples e fundamentais na vida eram valorizadas: o respeito, a amizade, o amor e a esperança de ver concretizado um mundo com muito mais tolerância às diferenças e justiça social. Em “Túnel do Amor”, os atores se revezam para interpretar 22 canções da época, a maioria clássicos do Rock and Roll, imortalizados nas versões de Celly Campello. Músicas como “Estúpido Cupido”, “Ritmo da Chuva”, “Broto Legal”, “Banho de Lua”, “Lacinhos Cor-de-Rosa” entre outras.

Túnel do Amor chega a São Paulo, após a apresentação de algumas temporadas em Sorocaba entre 2011 e 2012 enquanto o o espetáculo foi desenvolvido. 

 Estreia agora com a grandiosidade do teatro musical e com o apoio da Lei de Incentivo a Cultura, apresentado por  Fertilizantes Heringer e patrocínio da Eurofarma com realização da Entreatus Núcleo de Artes Cênicas e Lab Cultural.

TUNEL DO AMOR

TEATRO LIBERDADE (900 lugares)

Endereço: R. São Joaquim 129, Liberdade 

Temporada: 04 de fevereiro a 26 de março

Dias e Horários: quinta 21h, sexta 21h, sábado às 16h e 21h; domingo às 15h e 20h.

Ingressos: R$ 80 (balcão B) R$ 100 (balcão A) R$ 140 (plateia) R$ 160 (plateia premium)

Duração: 1h40 com 15 minutos de intervalo

Classificação indicativa: Livre

Vendas: bilheteria do Teatro Liberdade e

no site Túnel do Amor- Os bons tempos estão de volta – Sympla Bileto – Compre seu ingresso online

RELAÇÃO DE MÚSICAS – TÚNEL DO AMOR

ATO 1  

OVERTURE – ORQUESTRA

A LENDA DA CONCHINHA – CELLY CAMPELLO 

O JOLLY JOKER – CELLY CAMPELLO

ESTÚPIDO CÚPIDO – CELLY CAMPELLO

QUERIDO CÚPIDO – CELLY CAMPELLO

MUITO JOVEM – CELLY CAMPELLO

LITTLE DEVIL – CELLY CAMPELLO

PETITE FLEUR – CLAUDE LUTER E SIDNEY BECHET

NÃO TENHO NAMORADO – CELLY CAMPELLO

O RITMO DA CHUVA – JOHN GUMMOE

HEY MAMMA – CELLY CAMPELLO

BIQUINI DE BOLINHA AMARELINHA – LEE POCKRISS

BROTO LEGAL – FRED JORGE

ATO 2 

EU CONTINUO A CRESCER – MÚSICA ORIGINAL 

QUERIDO CUPIDO (REPRISE) – CELLY CAMPELLO

TUDO EM MIM É AMOR 

PUPPY LOVE – PAUL ANKA

I APOLOGIZE 

BANHO DE LUA – CELLY CAMPELLO

GRANDE AMOR/JAILHOUSE ROCK – CELLY CAMPELO/ELVIS PRESLEY

SMOKE GETS IN YOUR EYES – THE PLATTERS

EARTH ANGEL – HARRY WATERS JR.

GREAT BALLS OF FIRE – JERRY LEE LEWIS

TÚNEL DO AMOR – CELLY CAMPELLO

TCHAU BABY, TCHAU – CELLY CAMPELLO

FICHA TÉCNICA

Direção Geral e Texto: Marcello Marra

Direção Musical e Arranjos: Miguel Briamonte

Direção de Movimentos e coreografias: Vanessa Costa

Assistente de Direção Musical e Arranjos: Carol Weingrill

Assistente de Coreografia e Diretor Residente: Marcelo Vasquez 

Cenografia: Rogério Falcão 

Designer de Iluminação: Thiago Magnata 

Designer de som: Bruno Boccuzzi e Gustavo Inca

Figurinos: Eliséte Martins

Direção de Produção: José Toro e Robert Lima 

Realização: Entreatus e Lab Cultural

 NOME ARTÍSTICOPERSONAGEM
Carolina Amaral Carolina
Sandro ConteAugusto
Lorena TucciGabriela
Davi TostesFilipe
Leticia MamedeIsabela
Rafael TellesLeopoldo
Sofia SaviettoJoana
Guilherme LopezFabrício
Maria Clara RosisAna Regina
João HespanholetoCarlinhos
Esther ArieivMaria Helena
Fernanda GodoySandra
Ana FeitosaDona Ana
Marcello MarraAfonso/Crooner
Elisete MartinsDona Violante
Ana Luiza LealEnsemble 
Maiara CalipsaEnsemble 
João BioEnsemble 
Mateus KerrEnsemble 
Wagner LimaSwing
Yasmin CalboSwing

ENTREATUS, uma trajetória de Musicais

Desde o início de suas atividades, o Entreatus – Núcleo de Artes Cênicas, através de seus produtores Marcello Marra e Eliséte Martins, prioriza a pesquisa e o desenvolvimento de espetáculos musicais. Ao longo de mais de 30 anos de atividades, realizou diversas montagens com destaque para: “La Serva Padrona” de J.B. Pergolesi, a primeira ópera encenada em Sorocaba (2002), com apoio da LINC – Lei de Incentivo à Cultura de Sorocaba; “O Inspetor Geral” de N. Gògol, com canções das décadas de 20 e 30 (2009); “Túnel do Amor”, ambientado na década de 50 com grandes sucessos de Celly Campello (2011); “Alice – O Musical”, inspirado na obra “Alice no País das Maravilhas” de L. Carroll (2012); “Mamma Mia!” ummusical ABBA, com canções de Benny Anderson e BjörnUlvaeus (2017/2018); “A Madrinha Embriagada” de Bob Martin e Don Mackellar com músicas de Lisa Lambert e Greg Morrison (2019). www.entreatus.com.br

MARCELLO MARA – Diretor e Roteirista 

“Estamos muito felizes de levar este espetáculo a São Paulo, que começou de uma maneira muito singela com algumas montagens acadêmicas em Sorocaba e agora ganha sua primeira montagem profissional. 

Uma história que fala sobre as diversas vertentes do amor e de carinho, que acreditamos ser importante pra vida das pessoas, além de contar sobre a década dos anos 50 e o advento do Rock’nRoll  com músicas que foram eternizadas pela Celly Campelo.”

MIGUEL BRIAMONTE – Diretor Musical e Arranjos 

“O processo de construção da linguagem musical se deu de uma forma instigante entre trazer músicas daquela época da forma em que o público conhece e de criar arranjos e releituras de forma criativa para contribuir com o contar a história do espetáculo.

VANESSA COSTA – Direção de Movimento

“Coreografar para o Túnel do Amor foi um processo Muito divertido. Poder voltar para década  de 50 e trazer um pouco da forma como se dançava e expressava naquela época e acima de tudo contar a história do nosso musical através desse ritmo foi muito prazeroso e desafiador. Tive um elenco muito disponível e acessível as minhas ideias, isso tornou o processo todo muito gostoso e inspirador.”

ROBERT LIMA – Diretor de Produção LAB CULTURAL

“Os bons tempos são heranças culturais que recebemos de nossos antepassados, e ver um elenco majoritariamente formado pela nova geração me inspira não só em produzir, mas me permite viajar no tempo e entender mais a fundo  a importância dessa década para a cultura na história do nosso país.”

JOSÉ TORO – Diretor de Produção LAB CULTURAL

“A realização deste espetáculo é fruto do advento do teatro musical em nosso país. É de extrema alegria que levamos ao palco um espetáculo que retrata nossa história, com músicas que estão nos nossos ouvidos e fazem parte da nossa cultura, em uma grande produção e 100% brasileira.”

Sinopse

Ficha Técnica

Serviço

Escanear o código